Get Adobe Flash player

Ultrapassagem não permitida provoca acidente na BR 153 e deixa 4 vítimas fatais; condutor fugiu sem prestar socorro

Ultrapassagem não permitida provoca acidente na BR 153 e deixa 4 vítimas fatais; condutor fugiu sem prestar socorro

Redação - Texto - Araguaína Notícias - Com Informações Portal TN | .

Foto: Lucas Lima - Portal TN




Um grave acidente ocorrido na BR 153 por volta das 15h30 desta terça-feira, 17, deixou 4 vítimas fatais na BR 153, próximo à cidade de Araguaína, Norte do Tocantins. Segundo as primeiras informações, a tragédia matou um casal e duas crianças, sendo que uma delas chegou a ser encaminhada para o Hospital Regional, mas não resistiu aos ferimentos.


Apenas umas das vítimas já foi idenificada: João Batista Moraes Silva, 40 anos, que trabalhava com decoração em Araguaína, na empresa JB Noivas.


Três corpos já chegaram ao Instituto Médico Legal de Araguaína. De acordo informações, as vítimas vinham sentido Colinas para a terra natal, a cidade de Araguaína, mas se envolveram neste acidente fatal. Havia 5 pessoas no veículo, 3 morrem no local, uma criança ainda foi socorrida pelo Samu e encaminha ao Hospital, mas não resistiu. Ainda tem uma mulher em estado grave no Hospital Regional de Araguaína.


A tragédia ocorreu na entrada de Araguaína, na Rodovia BR 153, no Bairro de Fátima. Conforme relatos, as vítimas estavam em um Palio Adventure de placa ( NWP 0194- Goiânia-GO), trafegavam sentido Colinas –Araguaína. De repente, outro veículo (um corola) tentou ultrapassar um caminhão, não conseguiu e bateu no pálio jogando o para fora da pista e matando quatro pessoas. O condutor do outro veículo envolvido no acidente fugiu sem prestar socorro, segundo os primeiros relatos.


Atualizado às 21:22


Segundo informações, uma das vítimas foi identificada como Maria Rita Oliveira, esposa do Pastor Gildo Oliveira da Igreja Assembleia de Deus Ministério de Anápolis. As crianças tratam-se de duas irmãs, Stefani Suelen de Sousa, de 2 anos, e Sabrina Suelen Santos de Sousa, de 6 anos.

 

 

 

Compartilhe

Publicações relacionadas

Comentários